Hidrocefalia

A hidrocefalia e atuação do Neurocirurgião

Por: Antônio Prates Jr, Neurocirurgião em Belo Horizonte e região metropolitana de BH

A hidrocefalia é uma doença caracterizada pelo aumento do volume e/ou pressão do líquor, o líquido contido nas cavidades do cérebro (chamados ventrículos). É uma das principais doenças que fazem com que crianças necessitem visitar um Neurocirurgião. Ela pode ser uma condição congênita, iniciada ainda no período fetal ou adquirida ao longo da vida, em qualquer fase.

Esse acúmulo gera sintomas diferentes dependendo da idade. No primeiro ano de vida, o sintoma mais evidente é o aumento progressivo e desproporcional do tamanho da cabeça. Em pacientes mais velhos, causa aumento da pressão dentro do crânio e leva a vários sintomas como dor de cabeça, vômitos, alterações de comportamento, atraso no desenvolvimento, dificuldade de andar, perda de controle da urina e, em casos mais agudos e graves, coma e morte.

O tratamento desta doença está a cargo do Neurocirurgião e evoluiu muito nas últimas décadas. O mais utilizado na atualidade é o implante de derivação ventrículo-peritoneal, onde é feita a drenagem do excesso de liquor para a cavidade peritoneal (no abdome). Outra opção é a microcirurgia cerebral endoscópica, indicada em hidrocefalias obstrutivas. Por último, em hidrocefalias secundárias a outras condições, como tumores ou hematomas, a resolução da doença de base pode resolver a hidrocefalia.

Apesar da necessidade de acompanhamento, o tratamento da hidrocefalia é bastante seguro e eficaz. Procure um Neurocirurgião caso precise de informações adicionais. Veja outros artigos. 

Dr Antônio Prates Jr, atuação em Belo Horizonte e região metropolitana de BH. 

 

Antônio Prates Jr – Doctoralia.com.br