Artrodese da coluna lombar

Tratamento para várias doenças da coluna

Por: Antônio Prates Jr, Neurocirurgião em Belo Horizonte e região metropolitana de BH

O procedimento de artrodese da coluna vertebral é utilizado em situações em que há uma deformidade ou instabilidade deste órgão. Geralmente são usados parafusos e hastes de titânio para fixação das vértebras, possibilitando a sua fusão. Pode ser indicado em varias situações, como em doenças degenerativas, hérnia de disco recidivada, tumores, trauma e infecções, como é o caso da imagem. Além disso, pode ser realizada tanto na região lombar, quanto na torácica e cervical, a depender da localização da doença. 

Existe um grande temor em torno da cirurgia de coluna. Alguns pacientes têm medo de “não voltar a andar” após o procedimento. Porém, a artrodese de coluna é uma técnica segura e com boa resolutividade, quando bem indicada. Ela possibilita a estabilização da coluna e o tratamento de condições que impedem o paciente de andar normalmente. O mais provável (e esperado) é que o paciente melhore do quadro que indicou a cirurgia.

Na atualidade, ganham espaço as técnicas de artrodese minimamente invasivas e procedimentos endoscópicos. São procedimentos realizados com mínima abertura da pele e da musculatura. Apresentam a mesma efetividade da cirurgia “aberta”, porém com menores taxas de dor pós-operatória e um retorno mais precoce ao trabalho.

A dor lombar pode ser sinal de alguma alteração cirúrgica nesta região. Na dúvida, procure um Neurocirurgião para avaliação médica. Veja outros artigos

Dr Antônio Prates Jr, Neurocirurgião em Belo Horizonte e região metropolitana de BH. 

 

Antônio Prates Jr – Doctoralia.com.br